O salário do medo

O salário do medo

LE SALARIE DE LA PEUR | França, Itália | 1953 | Direção: Henri-Georges Clouzot
Elenco: Yves Montand, Charles Vanel, Peter van Eyck
Habilite a legenda no botão CC ao canto direito do player

Num vilarejo isolado da América Central, quatro homens aceitam fazer um perigoso transporte de nitroglicerina. A recompensa prometida é apenas o suficiente para saírem daquele inóspito lugar onde foram parar. De caminhão, eles partem por um trajeto de estradas precárias e cheias de obstáculos, onde o desgaste emocional e os riscos de morte vão se tornando cada vez maiores.

CURIOSIDADES: William Friedkin, diretor de "O Exorcista", realizou uma refilmagem de "O Salário do Medo", conhecida no Brasil como "O Comboio do Medo" (1977). Para obter sua aprovação, Friedkin se encontrou pessoalmente com Henri-Georges Clouzot, diretor do filme original. Inúmeros problemas atormentaram a produção: Chovia demais no sul da França, fazendo com que veículos parassem, guindastes caíssem e equipamentos fossem arruinados. O diretor quebrou o tornozelo. A atriz Véra Clouzot ficou doente. A produção ultrapassou 50 milhões de francos do orçamento. Com tanto azar, o trabalho teve de ser interrompido e a segunda metade do filme só pôde ser concluída quase um ano depois. Originalmente, o diretor planejava filmar na Espanha, mas o ator Yves Montand se recusou a trabalhar no país enquanto o ditador fascista Francisco Franco estivesse no poder. As filmagens ocorreram no sul da França, perto de Saint-Gilles, em Camargue. A vila vista no filme foi construída do zero. Vencedor do Prêmio de Melhor Filme no Festival de Cannes 1953, e do Urso de Ouro no Festival de Berlim 1953.

O salário do medo