Eu sou Cuba

Eu sou Cuba

SOY CUBA | 141 min | Cuba, União Soviética | 1964
| Drama |
Direção: Mikhail Kalatozov
Elenco: Sergio Corrieri, José Gallardo, Luz María Collazo, Raúl García, Jean Bouise, Alberto Morgan e Celia Rodriguez
Classificação indicativa: 18 Contém: Conteúdo sexual. Nudez. Consumo de drogas lícitas
Habilite a legenda no botão CC ao canto direito do player

O filme traça um perfil de um período de transição em Cuba, entre a derrubada do regime de Batista e a revolução comunista, a partir de quatro histórias diferentes. Maria, de Havana, fica envergonhada após seu pretendente descobrir como ela ganha a vida. O idoso camponês Pedro tem as terras onde cultivava vendidas para uma empresa. Um universitário vê seus amigos serem atacados pela polícia quando distribuíam panfletos a favor de Fidel Castro, enquanto uma família de camponeses é ameaçada pelas forças de Batista.

CURIOSIDADES: Quando lançado, o filme não foi exibido fora de Cuba e da União Soviética, onde foi exibido apenas em cerca de 8 salas. Para a famosa longa tomada que começa no topo do hotel, e depois serpenteia e desce até a piscina, a câmera foi segurada com as mãos, passada de um membro da equipe para outro, para fazer o seu caminho pela lateral do hotel até a piscina, e a lente da câmera havia sido equipada com um disco de vidro giratório de alta velocidade retirado de um periscópio de submarino. A União Soviética, que financiou o filme, reclamou que a obra se concentrava demais na arte pelas artes, deixando de cumprir seu papel de "um filme para o bem das pessoas", e, consequentemente, eles acusaram o diretor Mikhail Kalatozov de "formalismo".

Eu sou Cuba